Em 40 anos desapareceram 60% das espécies

Publicado em por
Em 40 anos desapareceram 60% das espécies

A WWF divulgou o Relatório Planeta Vivo e alerta para situação crítica para o planeta

O Relatório Planeta Vivo, realizado pelo Fundo Mundial para a Natureza (WWF) e publicado recentemente, alerta para o desaparecimento de uma grande quantidade de espécies animais e vegetais. Segundo o estudo publicado, entre os anos 1970 e 2014, entre os vertebrados mamíferos selvagens, os pescados, as aves, os répteis e os anfíbios, houve uma diminuição de 60% na diversidade de espécies.

O dado mais impressionante entretanto se refere aos peixes que habitam as águas doces. Segundo o estudo da WWF, 83% das espécies se extinguiram no século 20. Esta diminuição se relaciona especialmente com a degradação do ecossistema.

Segundo o relatório, os grupos mais afetados foram as aves, os mamíferos, os anfíbios, os corais e as cícadas (família de plantas antigas).

A perda das espécies, e o desequilíbrio dos ciclos de nitrogênio e de fósforo resultante do uso de fertilizantes e pecuária poderiam provocar um limite crítico para o planeta, segundo cientistas ambientais. No caso da degradação dos solos, a FAO já alertou que estamos em condições extremas.

O diretor geral da WWF, Marco Lambertini, afirmou que “o surpreendente declínio nas populações de animais selvagens mostrado pelo último Índice do Planeta Vivo é um lembrete e talvez o indicativo final da pressão que exercemos sobre o planeta”.

Lambertini ressalta sobre a necessidade urgente de atuar para criar uma sociedade neutra em carbono e “reverter a perda da natureza – por meio de financiamento verde, energia limpa e produção de alimentos ecologicamente correta”, defende.

O Relatório Planeta Vivo 2018 é a décima segunda edição do levantamento que traz evidências sobre a saturação ambiental da forma como alimentamos, abastecemos e financiamos nossa sociedade.

A FUNIBER patrocina mestrados e doutorados na área ambiental com um enfoque à gestão de empresas e projetos de forma sustentável.

Fonte: Se siguen extinguiendo especies

Foto: Todos os direitos reservados