Melhorar os recursos de conversação nas aulas de idioma

Publicado em por
Melhorar os recursos de conversação nas aulas de idioma

O professor de inglês Tory Thorkelson oferece algumas recomendações a partir da experiência como professor de classes de conversação há mais de 8 anos, na Coreia

A primeira recomendação do professor Thorkelson é usar os livros como uma ferramenta a mais, e não única e exclusiva. Os professores podem seguir o livro, realizar algumas atividades e buscar material complementário, que instigue mais e fomente mais participação.

Desenvolver um bom programa, e apresenta-lo à turma, ajuda a manter-se dentro dos objetivos planejados, além de possibilitar os alunos a prepararem-se para os tópicos que serão trabalhados no curso, evitando a dispersão.

Nas aulas de conversação, para estimular que os alunos conversem, é importante contar com uma série de jogos, dados para criar debates, e outras atividades que possam provocar diálogos de maneira mais natural e entretida. O professor criou um site com algumas das técnicas que considerou exitosa nas aulas, de acesso gratuito.

Outra questão importante se refere à formação de grupos. Em geral, formar um grupo ideal é quase uma tarefa impossível, mas é necessário provar, e o professor pode fazer isso misturando sempre os alunos, em diferentes proporções e segundo categorias diferentes.

Thorkelson ensina na universidade que leva avaliações online antes dos exames parciais e ao final do curso. A prática facilita a uma autoavaliação por parte dos alunos, na qual o professor também estimula levantando algumas questões sobre aspectos da aprendizagem.

“Isso serve para ter uma medida rápida de como os estudantes estão sentindo-se em relação ao curso duas vezes”, e permite ao professor transformar algo que não estiver indo bem. Estas avaliações também são ferramentas que podem ser usadas pelo professor para argumentar a favor de possíveis mudanças nas classes.

Os professores de inglês interessados em ampliar a formação podem optar pelo Master in Teaching English as a Foreign Language, patrocinado pela FUNIBER.

Fonte: HOW TO MAKE CONVERSATION CLASSES MORE MEANINGFUL FOR YOUR STUDENTS

Foto: Todos os direitos reservados