Alternativas inovadoras para a sala de aula

Publicado em por
Alternativas inovadoras para a sala de aula

Conheça algumas práticas pedagógicas e novas ferramentas que são tendências e que prometem revolucionar a maneira que se ensina nas escolas

As escolas devem acompanhar as transformações da sociedade se querem oferecer um ensino de qualidade e atualizado com as novas gerações. “As crianças e jovens que estão conosco hoje na escola têm acesso a uma quantidade muito maior de informações, têm um pensamento não linear, são mais críticos, questionadores, adoram desafios e precisam de feedback permanente”, afirma a Doutora em Educação Luciana Allan, diretora do Instituto Crescer.

O instituto brasileiro acaba de lançar de forma gratuita os guias “Crescer em Rede: Edição Especial Metodologias Ativas” e “Oficinas Crescer em Rede”, em português. A proposta das publicações é dar apoio ao desenho de novas práticas pedagógicas que possam inovar no ensino escolar.

“Os guias foram elaborados com a ideia de vir a colaborar com este cenário, propiciando momentos de reflexão”, afirma Luciana Allan. “Os professores podem trazer uma nova dinâmica para suas aulas, de forma a envolver os alunos em processos significativos de aprendizagem”.

Tendências inovadoras

Sandro Bonás, CEO da Conexia, empresa de soluções educacionais, está de acordo com a importância de trazer modernas ferramentas para as escolas. Segundo ele, num artigo publicado na revista Educação, é possível listar 10 tendências de inovação no setor da educação que podem ser aplicadas em sala de aula:

  • Aprendizagem colaborativa 

Com esta tendência, as aulas podem ser feitas em colaboração com outros colegas, professores e outras matérias. Um exemplo comum é o desenvolvimento de projetos interdisciplinares.

  • Aplicação do empreendedorismo 

Em esta abordagem, o aluno é instruído para desenvolver uma visão empreendedora, o que permite desenvolver um comportamento mais proativo e protagonista no próprio desenvolvimento pessoal. O objetivo é formar cidadãos conscientes que possam atuar a favor do meio social em que vivem.

  • Realidade Virtual

Com esta tecnologia aplicada no contexto educacional, as aulas tornam-se mais divertidas e atraentes. Além disso, proporciona uma experiência de imersão para o aluno.

  • Byod em sala de aula

Byod, do inglês “Bring Your On Device“, ou “traga seu próprio dispositivo” é uma das grandes tendências. Com esta, os estudantes podem levar seus notebooks, tablets e celulares para utilizar durante a aula.

  • Ambiente pro apps

As lousas interativas que permitem apresentações dinâmicas através das plataformas digitais e o uso de aplicativos permitem mais atenção dos alunos durante a apresentação da matéria. Os recursos tecnológicos através de um ambiente próprio de apps podem oferecer novas práticas de ensino.

  • Gamificação

A gamificação, ou seja o uso de jogos, é uma forma lúdica de ensinar, que provoca, desafia e estimula o aluno. Com games educativos, aplicativos e plataformas especializadas, o professor oferece uma maneira divertida de aprender.

  • Coding

Ensinar programação permite o aprendizado de algoritmos e do mundo digital. “Essa habilidade garante o acesso ao conhecimento de um mercado em ampla expansão”, afirma Sandro Bonás.

  • Criação de um diretório

Bonás explica que ter um diretório é uma grande aposta de inovação na escola. “Cada vez mais, as bibliotecas evoluem para centros de tecnologia e os alunos tendem a visitar mais o local. O ambiente torna-se mais agradável, positivo e moderno”, afirma.

  • Inteligência Artificial (IA) e Educação

Com uso de dados, o estudante pode ter uma vista geral da própria formação. A IA oferece estatística sobre o desenvolvimento do aluno, habilidades e pontos de dificuldade que podem ser melhorados e outras informações que podem servir de autoconhecimento, tanto para os alunos como para os professores.

  •  Fluência digital na escola

“Quanto mais imersão e prática, maior a fluência dos alunos e professores com o online.  Um bom gestor escolar garante que sua escola seja fluente na tendência tecnológica, trazendo isso para a rotina de ensino”, defende Sandro Bonás.

 

Para ampliar a formação de professores, a FUNIBER patrocina o Mestrado em Educação, através da modalidade online.

Fontes:

Guias gratuitos ajudam professores a inovar e usar metodologias ativas

As dez tendências inovadoras da educação

 

Foto: Todos os direitos reservados