Publicado em por
Crianças diminuem o nível de atividade a partir dos 7 anos, no Reino Unido
Esportes | , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Crianças diminuem o nível de atividade a partir dos 7 anos

Estudo no Reino Unido aponta que a partir dos sete anos, baixa-se o nível de atividade física, que se mantém em queda constante até a adolescência

De acordo com um estudo realizado por pesquisadores do Reino Unido, as crianças começam a diminuir o ritmo de atividade física aos sete anos. O movimento vai reduzindo-se de forma constante até chegar à adolescência. Continuar lendo

Publicado em por
Atividade física moderada e alta é melhor que sedentarismo
Esportes | , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Para prevenir doenças, melhor fazer atividade física do que assistir à televisão

Estudo feito na Espanha mostra que uma hora de atividade física moderada e alta previne os riscos de doenças cardiometabólicas, em comparação a uma hora de sedentarismo

Dedicar mais tempo a atividades de alta intensidade física será melhor para a sua saúde do que assistir à televisão. Estas são as conclusões de um estudo realizado por pesquisadores na Espanha que concluíram que o sedentarismo está associado a fatores de risco de doenças como são a obesidade e a diabete, entre outros. Continuar lendo

Publicado em por
Falta de atividade fisica pode indicar 71% mais de risco de câncer de mama
Esportes | , , , , , , , , , , , , , , , ,

Falta de atividade física pode aumentar em 71% o risco de câncer de mama

Estudo indica relação entre a falta de atividade física e o desenvolvimento de casos de câncer de mama na Espanha

O sedentarismo está relacionado ao risco de desenvolver câncer de mama. Esta é a  conclusão do estudo desenvolvido pelo Grupo GEICAM de Pesquisas em Câncer de Mama, na Espanha, que analisou pacientes de 23 hospitais no país para conhecer o impacto da atividade física para prevenir esta doença. Continuar lendo

Publicado em por
Avaliam atividade física de idosos espanhóis
Gerontologia | , , , , , , , , , , , , , , , ,

Avaliam atividade física de idosos espanhóis

Estudo realizado pela Universidad da Zaragoza mede a atividade física de idosos espanhóis para validar a versão curta do Questionário Internacional de Atividade Física (IPAQ, por sua sigla em inglês) na população de 65 anos ou mais

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a atividade física para pessoas da terceira idade ajuda a diminuir as taxas de mortalidade, melhora o funcionamento cardiorrespiratório e muscular, assim como fomenta uma boa saúde funcional e cognitiva. A OMS recomenda 150 minutos de atividade física aos idosos de 65 anos ou mais para prevenir o risco de desenvolver obesidade, diabetes mellitus tipo 2, problemas cardiovasculares, limitações funcionais e incapacidades, entre outras patologias. Continuar lendo